Feliz... Adaptado... Produtivo... Um pássaro numa gaiola a antibióticos...

quarta-feira, agosto 23, 2006

Azeite Gallo, a cantar desde 1919


- Agarrem-me pelos cabelos e esfreguem-me a cara nas fezes de um qualquer animal que sofra dos intestinos!
- Violentem-me com canas e calhaus, deixando-me a cara em papa e os ossos em pó!
- Matem-me a família, os amigos, a namorada, o cão da minha avó e amaldiçoem-me a mim e aos meus até ao fim dos tempos!
- Despeçam-me, expulsem-me de casa, deixem-me na miséria para o resto dos meus dias!
- Capem-me e/ou sodomizem-me sem dó nem piedade via anal...


...Mas não me tirem a porra do azeite!

4 comentários:

Inês Viana disse...

LOL sem comentarios.. =P

Cláudia disse...

Superou...

Pacheco disse...

Não lhe tirem o azeite, mas matem o c***** do galo, que eu vivo na mesma casa que ele!

Pacheco disse...

Ena, 3 comentários, este post está a "rebentar de sabor"!